Home   Notícias e Eventos

29/11/2019

Daep promove melhorias no aterro sanitário

Daep promove melhorias no aterro sanitário

Plantio de grama nos taludes do aterro visa proteger o local de erosões

O aterro sanitário de Penápolis, operado pelo Daep (Departamento Autônomo de Água e Esgoto) está passando por diversas melhorias técnicas. Uma delas é o plantio de gramíneas nas bermas laterais e taludes do aterro. O objetivo do plantio é proteger de erosões aquelas áreas do complexo onde a capacidade de aterramento já foi esgotada.
O investimento é feito com recursos próprios do Daep. Foram adquiridos 12 mil metros quadrados de grama, no valor total de R$ 45 mil.
Tais melhorias fazem parte de um conjunto de exigências técnicas da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo), que monitora periodicamente, e sem aviso prévio, as condições ambientais da área. Atualmente a Nota do IQR (Índice da Qualidade de Resíduos) está em 9,7 numa escala de zero a 10. O aterro possui licença de operação até 2022.
O aterro de Penápolis recebe aproximadamente 37 toneladas de resíduos por dia, que são destinados em conformidade com as normas técnicas exigidas pelo órgão ambiental. 
Por esta razão, é necessário manter a disposição final dos detritos de forma adequada, por meio da compactação no solo e recobrimento contínuo e imediato, com o uso de veículos e máquinas adequados. 
O presidente do Daep, Edson Bilche Girotto, o “Batata”, comentou que há necessidade de investimentos constantes na área.
“O volume de resíduos que chega diariamente ao nosso completo deve ser destinado adequadamente para não impactar o meio ambiente”, disse.
“Uma das grandes oportunidades nos próximos anos é o aproveitamento desse material para gerar energia”, destacou ele.
“Penápolis é uma cidade que sempre se preocupou com o atendimento dos requisitos ambientais. Por esta razão é que o Daep é considerado modelo na gestão de resíduos sólidos, inclusive recebendo com frequência a visita de estudiosos e autoridades de diversas cidades do país em busca conhecimento do nosso sistema de trabalho”, comemorou o presidente.
“Penápolis é um dos poucos municípios da região que possui um aterro sanitário municipal. Manter a qualidade dos serviços prestados e assegurar a preservação ambiental só são possíveis devido à equipe de servidores comprometidos que realizam o trabalho com responsabilidade para manter as condições operacionais dentro das exigências”, concluiu.

Secom – PMP

« Voltar ao índice de notícias
Veja também: