Ir para o conteúdo

AUTARQUIA MUNICIPAL DE SANEAMENTO AMBIENTAL e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
AUTARQUIA MUNICIPAL DE SANEAMENTO AMBIENTAL
Acompanhe-nos:
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
SET
04
04 SET 2023
ETE
DAEP ATINGE A MARCA DE 50% NO DESASSOREAMENTO DA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGOTOS
enviar para um amigo
receba notícias
A Autarquia Municipal de Saneamento Ambiental, Daep, alcançou um marco significativo ao completar 50% do processo de desassoreamento da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Maria Chica. Esse empreendimento consiste na remoção e desidratação dos resíduos acumulados na ETE por meio de bombeamento.
 
A primeira fase desse projeto envolveu a construção de um tanque impermeabilizado com capacidade para 15.000 m³, projetado para receber os sedimentos mais sólidos dragados das lagoas. Após a retirada dos resíduos, o material sólido está passando por um processo de desidratação e acondicionamento, a fim de ser posteriormente destinado ao aterro sanitário. Além disso, está em andamento a recuperação do efluente drenado, que é bombeado de volta à lagoa, seguindo todos os padrões ambientais vigentes.
 
O investimento total de R$ 4 milhões para a conclusão do desassoreamento da ETE foi obtido por meio de recursos próprios (20%) e um financiamento (80%) realizado pela Prefeitura Municipal em parceria com a Agência Desenvolve SP. 
 
"Esta é uma das melhorias mais relevantes no tratamento de esgotos domésticos em Penápolis, sendo a última dragagem de sedimentos realizada em 1998. Os sedimentos retirados foram acumulados nos últimos 21 anos de operação das lagoas", afirmou o Presidente do Daep, Carlos Alberto Bachiega. Ele também ressaltou que esse é um marco importante para a infraestrutura de saneamento do município, com expectativas de benefícios operacionais e ambientais, contribuindo para a qualidade do corpo hídrico do Ribeirão Lajeado.
 
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia